Web Statistics

14 de jun de 2014

Nelson Rodrigues, o futebol e a pornografia





O trecho abaixo foi extraído da crônica "O Pelé branco":



O futebol jamais foi mudo, jamais exigiu do craque um silêncio de sarcófago. Direi mais, se me permitem: -- o futebol é o mais falado e o mais pornográfico dos esportes. Durante os noventa minutos, tanto os craques em campo como o torcedor nas arquibancadas rugem os palavrões mais resplandecentes do idioma. Dir-se-ia que tanto o público como o craque têm, no berro pornográfico, um estímulo vital, precioso e irresistível. E se o meu personagem xinga os adversários, não faz outra coisa senão insistir num hábito que data dos nautas camonianos. Repito: -- o futebol se nutre de pornografia como uma planta de luz. 




Rodrigues, Nelson. À sombra das chuteiras imortais: crônicas de futebol. São Paulo: Companhia das Letras, 1993, p. 74.






Nenhum comentário:

Postar um comentário